(43) 3375-7555

FALE CONOSCO

MSF

Premiados

O Colégio Londrinense e o Anglo Londrinense têm o maior número de turmas premiadas do Paraná na olimpíada Mathématiques sans Frontières, a maior competição interclasses de Matemática do mundo.

Os alunos do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio conquistaram 156 medalhas, distribuídas em 27 de prata, 36 de bronze e 15 de menção honrosa na categoria “Nacional” e 63 de prata e 15 de bronze na categoria “Região Sul”.

Amanda Camero Matos - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Amanda Yamakawa Vendrame - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Ana Beatriz Lopes Tavares - 9º ano - prata regional e prata nacional
Ana Beatriz Pugsley Santos - 3ª série - prata regional e prata nacional
Ana Clara Rezende Lima - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Ana Liz Munhoz de Freitas - 3ª série - prata regional e prata nacional
Ana Luiza Ferreira Alves - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Anna Caroline de Castro Bourscheidt - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Arthur Levinski Barbon - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Arthur Vilela - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Artur Kenzo Obara Kawazoe - 3ª série - prata regional e prata nacional
Beatriz Akemi Moriyama - 9º ano - prata regional e prata nacional
Beatriz Batista Tomaz - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Beatriz Trizotti Yoshitoni - 3ª série - prata regional e prata nacional
Benício Cardoso Emerick - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Bruna Ravaneda de Antonio - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Bruna Rondina - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Camila Ayumi Kawamoto - 3ª série - prata regional e prata nacional
Carolina Cotrim Pigatto - 3ª série - prata regional e prata nacional
Catarina Oliria Brustolin - 3ª série - prata regional e prata nacional
Daniel Cruz Ferreira Siqueira - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Davi Massakatsu Fujimura de Souza - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Davi Santos Silvestrini - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Eduardo Caetano Breganó - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Elisa Gonçalves Fujisao - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Fabiane Saito Obata - 9º ano - prata regional e prata nacional
Felipe Pedrali Marchette - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Felipe Vaz e Silva - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Felipe Vilela Ferreira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Fernanda Saori Hatumura - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Gabriel Costa Malaguido - 3ª série - prata regional e prata nacional
Gabriela Gatti Siqueira - 9º ano - prata regional e prata nacional
Giovana Sinzker de Moraes - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Gustavo Menezes da Silva - 9º ano - prata regional e prata nacional
Henrique Hiroki Kuroda da Silva - 9º ano - prata regional e prata nacional
Heuel Kaleb Gonçalves Padilha - 3ª série - prata regional e prata nacional
Isaac Giufrida Messias - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Isabela Carvalho Gongora - 8º ano - prata regional e bronze nacional
João Guilherme Capelari Belfort Sparapan - 8º ano - prata regional e bronze nacional
João Guilherme Rondon Oliveira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
João Lucas Kakitani Rodrigues Siqueira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
João Pedro Dias Daniel - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Jordan Albert Telinski Rodrigues Filho - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Júlia Candatem Koike - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Julia Naomi Sugahara - 3ª série - prata regional e prata nacional
Junbo Xu - 9º ano - prata regional e prata nacional
Lara Magro Lalau - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Lara Ricci de Oliveira e Oliveira Ribeiro - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Laura Garcia Martins - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Lenna Tatibana - 9º ano - prata regional e prata nacional
Lívia Ovçar de Nicollelli - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Luana Yuka Nishizawa - 3ª série - prata regional e prata nacional
Lucas Massahiro Obuchi - 3ª série - prata regional e prata nacional
Maria Luisa Gorri Custodio de Melo Brites - 9º ano - prata regional e prata nacional
Maria Valentina Gomi Picolotto - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Maria Vitória Carnelossi Prazeres - 9º ano - prata regional e prata nacional
Mateus Eidi Kawamoto - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Matheus Vaz e Silva - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Matheus Zenatti Miazzo - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Micaela Luisa Santos Dias - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Murilo Romano Oliveira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Murilo Vaz e Silva - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Nathan Hideyuki Ono - 9º ano - prata regional e prata nacional
Noah Barros Telinski Rodrigues - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Pietro Ferreira Salamon - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Renato Samuel Haas Bastos - 9º ano - prata regional e prata nacional
Sara Coaio Zanon - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Sophia Pazin Colchesqui - 3ª série - prata regional e prata nacional
Sophia Pereira de Almeida - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Theo Watarai - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Tiago Martins de Souza - 2ª série - bronze regional e menção honrosa nacional
Valentina Cristiane Filippo Taveira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Vicente Augusto Feitosa dos Santos - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Victor Schmoller Dartibale - 3ª série - prata regional e prata nacional
Vinícius Eduardo Fabiani Moreira - 3ª série - prata regional e prata nacional
Vinícius Gavetti Valdivieso - 7º ano - prata regional e bronze nacional
Vitor Antunes Pereira - 8º ano - prata regional e bronze nacional
Weslley Massayoshi Fujita - 1ª série - bronze regional e menção honrosa nacional

CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO

Selecionadas

O Colégio Londrinense e o Anglo Londrinense disputam as medalhas da olimpíada internacional Mathématiques sans Frontières com sete equipes.

O melhor grupo de cada série na prova colaborativa da fase única participa da avaliação de desempenho pela banca nacional, como descrito no regulamento.

Foram selecionados internamente e enviados à organização os cadernos de respostas das turmas 96MW, 97MK, 98MK, 99MK, 21MK, 22MY e 23ME. A relação de premiados da MSF será divulgada em 31 de julho.

Fase Única

A prova presencial da fase única da olimpíada internacional Mathématiques sans Frontières será aplicada nas salas de aula nesta sexta-feira, 26 de maio, das 14h às 16h.

As questões dissertativas são resolvidas de forma colaborativa e com possibilidade de consulta a livros, dicionário e outros materiais de apoio. O primeiro exercício é apresentado e deve ser desenvolvido em língua estrangeira.

VEJA AS FOTOS

Inscrições

Os alunos do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio estão convidados para participar da olimpíada internacional Mathématiques sans Frontières, a maior competição interclasses de Matemática no mundo.

As questões dissertativas da prova da fase única são resolvidas de forma colaborativa e com consulta a livros, dicionário e outros materiais de apoio.

A inscrição individual pode ser feita gratuitamente até o dia 19 de maio no formulário inicie.me/msf2023.